Lesões no Joelho

Lesões no Joelho

O Joelho é uma articulação extremamente complexa, descrita com sete eixos de movimento.

 

Durante a prática esportiva, sua função inclui a estabilização dos ossos da perna (fêmur e tíbia), promover o controle neuromuscular através de receptores dos tendões ligamentos e cápsulas informando ao cérebro a posição velocidade do movimento (propriocepção) e promover o que chamamos de absorção de energia cinética. Em outras palavras, realiza absorção do impacto dos pés ao tocar o solo. Isso é feito através da flexão do joelho em torno de 30° e da contração excêntrica ou de desaceleração realizada pelo músculo anterior da coxa o quádriceps e controlada pela musculatura posterior também denominada de flexões do joelho ou isquiotibiais.

 

Devido seu movimento complexo e ter uma gama muito grande de funções na prática esportiva, o joelho é alvo de muitas nações tanto traumáticos agudas e por micro traumas de repetição.

 

As lesões agudas mais frequentes incluindo ruptura dos ligamentos cruzado anterior e posterior, ruptura dos ligamentos colaterais lateral e medial e lesão ao complexo quanto póstero lateral.

 

As lesões agudas também incluem danos a estruturas nobres como os meniscos e a cartilagem articular, gerando as crateras ou defeitos condrais, cuja resolução é, na grande maioria das vezes cirúrgica.

Lesões no Joelho
Lesões no Joelho

O Joelho é também alvo das principais fraturas do corpo humano como as fraturas da patela, Dos côndilos femorais e do planalto tibial.

 

Pensando nas lesões por micro traumas de repetição, também conhecidos como lesões por esforço repetitivo, temos algumas doenças de extrema prevalência da população mundial segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), como a condromalacia patelar, os donos crônicos à cartilagem do joelho desencadeando as condropatias, cuja evolução é quase sempre a artrose, doença de extrema incapacitação, que cursa com perda da amplitude do movimento e deformidade dos membros.

 

Além destas, podemos citar também as tendinites, que podem levar a ruptura  do tendão dependendo do biótipo e esporte praticado pelo atleta.

 

Importante lembrar e ressaltar que também temos altíssimos índices de lesão em Crianças e adolescentes. Assim como no adulto, ocorrem lesões traumáticas agudas que por sobrecarga como a síndrome de osgood-schlatter, osteocondrite dissecante do joelho e o menisco discoide.

 

Sem dúvida, a cirurgia do joelho é uma das especialidades com maior avanço tecnológico nas últimas décadas. A criação da artroscopia, procedimento realizado apenas por dois furinhos onde o médico opera olhando pelo vídeo, proporcionou menor agressão retorno mais precoce atividades do dia a dia e ao esporte.

 

Técnica recentes como a prótese monocompartimental do joelho, a subcondroplastia e a terapia celular (não completamente autorizada em território nacional), fazem parte do rol destes novos procedimentos.

 

Por fim, procedimentos não invasivos como infiltração articular com ácido hialurônico, terapia por ondas de choque e o uso da rádio frequência no próprio consultório também possibilitou uma recuperação mais rápida ser comparada a tempos remotos.

Dr. Adriano Leonardi é Médico Especialista em Lesões no Joelho. Agende já uma consulta.

Confira os principais artigos, tratamentos e dicas sobre Lesões no Joelho

Clique em qualquer artigo para ler.