fbpx
 

Quais são as principais cirurgias utilizadas para tratar lesões da cartilagem de joelho?

Quais são as principais cirurgias utilizadas para tratar lesões da cartilagem de joelho

Quais são as principais cirurgias utilizadas para tratar lesões da cartilagem de joelho?

Dentro da articulação do joelho, o tecido cartilaginoso cobre as extremidades dos ossos e atua como um amortecedor para eles, permitindo que se movam suavemente. Esse tecido pode ser lesionado como resultado do uso e desgaste, movimentos repetitivos no esporte ou no trabalho, ou devido a uma lesão traumática. O tratamento depende de diversos fatores e pode ser conservador. Contudo, também existem cirurgias para tratar lesões da cartilagem de joelho.

Cirurgias para tratar lesões da cartilagem de joelho: confira quais são os principais procedimentos

Se você sofreu alguma lesão na cartilagem do joelho e isso afeta sua amplitude de movimento, capacidade de realizar seu esporte ou trabalho das atividades cotidianas, você precisará de tratamento. 

Em geral, o método não cirúrgico é a primeira escolha dos médicos. Isso inclui repousar a articulação, elevá-la, aplicar gelo para minimizar o inchaço e protegê-la. Em alguns casos, é o suficiente para reduzir seus sintomas. No entanto, pode ser necessário fazer algumas mudanças no estilo de vida, além de realizar fisioterapia e tomar analgésicos, conforme prescrição médica.

Contudo, se os métodos conservadores não melhorarem os sintomas, existem algumas cirurgias para tratar lesões da cartilagem de joelho que podem ser recomendadas. Vale ressaltar, porém, que é improvável que a cartilagem cicatrize depois de danificada. Mas o seu médico pode realizar uma série de procedimentos para ajudar a reparar o dano:

Artroscopia do joelho

A artroscopia do joelho é uma técnica paliativa para o alívio de sintomas, geralmente recomendada para casos de lesões de cartilagem pequenas e superficiais. Esse é um procedimento minimamente invasivo, realizado por meio de pequenas incisões ao redor da articulação. 

A cirurgia, então, é feita usando instrumentos finos. Incluindo o artroscópio, um instrumento com uma pequena câmera que fornece uma visão clara da parte interna do joelho, que é inserido por um orifício cirúrgico.

Durante a artroscopia do joelho, o tecido cartilaginoso danificado é removido. Para fazer isso, pequenos instrumentos cirúrgicos são inseridos por meio de outras incisões ao redor da articulação.

Microfratura

Essa é uma técnica restauradora, também realizada por artroscopia. Neste caso, porém, é recomendada para casos de lesões de cartilagem de até 2 cm de diâmetro que não serão capazes de cicatrizar por si mesmas para atingir uma fibrocartilagem de qualidade suficiente. 

Basicamente, a microfratura consiste em retirar a cartilagem lesada e estimular a criação de um novo tecido. Para tanto, é feita a raspagem óssea e, em seguida, a confecção de diversos pontos de perfuração. 

Ao criar pequenos orifícios de 1 a 2 milímetros nesta camada calcificada, permite-se um fluxo sanguíneo maior. Isso possibilita que o sangue entre na área lesada para formar um coágulo. 

Com o tempo, esse coágulo se transforma em tecido que preenche a área lesada e é semelhante à cartilagem hialina original do joelho: a fibrocartilagem.

Biomembrana

Recentemente, o uso de membranas biológicas, conhecidas como biomembranas, tem se tornado popular. Essa é uma técnica relativamente nova e até mesmo revolucionária que usa a capacidade de cura do próprio corpo para o tratamento de defeitos cartilaginosos do joelho. 

O objetivo é criar uma proteção para as células que migram das perfurações ósseas contra o impacto mecânico e de forma que elas não se difundem para dentro do fluido sinovial.

Durante o procedimento, o defeito cartilaginoso é perfurado, a biomembrana é inserida e as suas bordas são costuradas (suturadas). Dessa forma, tampando o defeito com a membrana, pois acredita-se que assim haja formação de um tecido com propriedades biomecânicas o mais semelhante possível da cartilagem hialina original do joelho.

Mosaicoplastia do joelho

Embora também seja reconstrutiva, essa é uma técnica mais tradicional. Ela é comumente utilizada para tratar lesões muito profundas, que atingem o osso subcondral, nas quais os mecanismos de cicatrização do próprio paciente falharam.

Durante a realização da mosaicoplastia, o defeito cartilaginoso é retirado através de um tubo oco, chamado de trefina. Em seguida, ele é preenchido com um plugue contendo osso e cartilagem de mesmo tamanho obtido de uma área cartilaginosa sadia do mesmo joelho, que não recebe peso e não interfere na articulação. 

Geralmente, diversos plugues osteocondrais doadores podem ser retirados para o preenchimento da lesão, sendo obtidos principalmente da região da tróclea femoral externa.

Agende uma consulta com o Dr. Adriano Leonardi!

Como deu para perceber, existem diversas cirurgias para tratar lesões da cartilagem de joelho. A escolha do tratamento mais adequado para o seu caso depende de uma série de fatores. Por esse motivo, é essencial procurar um ortopedista especialista em joelho. Portanto, agende uma consulta com o Dr. Adriano Leonardi agora mesmo!

E, para saber mais sobre microfraturas, um dos principais métodos de tratamento cirúrgico de lesão cartilaginosa, confira o vídeo a seguir:

Dr. Adriano Leonardi
[email protected]

Dr. Adriano Leonardi possui 20 anos de experiência em Ortopedia. É Médico Ortopedista Especialista em Joelho; Mestre em Ortopedia e Traumatologia; Médico do Esporte; Membro da Diretoria da Sociedade Paulista de Medicina Desportiva; Colunista e Consultor dos Sites 'Eu Atleta' e 'Globo Esporte'. Agende sua Consulta: (11) 94754-9183

3 Comentários
  • ADSOn Gomes
    Postado as 21:48h, 17 setembro Responder

    Matéria show de bola !
    Fiz raspagem da cartilagem do minisco mas desde então quando prático futebol com mais intensidade ele incha !
    Dei uma pesquisada e vi sua matéria ,vou fazer o que vc recomenda pra melhor !
    Obrigado pelas dicas .

  • Lúcia Helena Soares da Silva
    Postado as 18:30h, 02 outubro Responder

    Dr Adriano estou com indicação de prótese de joelho devido a uma lesão osteocondral estou apavorada ! Será mesmo necessário já te acompanho e vejo inúmeras cirurgia sem prótese. Aguardo retorno.

Poste um Comentário

Olá!

Gostaria de receber uma ligação?