fbpx
 

O que é o edema focal do coxim adiposo e quais as suas implicações?

sindrome-de-hoffa

O que é o edema focal do coxim adiposo e quais as suas implicações?

O Coxim gorduroso ou gordura de Hoffa é uma espécie de almofada presente dentro do joelho. Localizada logo abaixo da patela e atrás do tendão patelar, sua função é, basicamente, auxiliar no amortecimento do impacto e da dissipação da energia cinética do nosso movimento do dia a dia. Alguns estudos apontam que a gordura de hoffa também é fonte de células tronco e estaria ligada, ainda, à regeneração de diversas estruturas do joelho.

Mas, assim como qualquer estrutura do joelho, essa também pode inflamar e trazer diversos transtornos, problemas e desconforto.

Por que ocorre?

Muitas pessoas que optam por iniciar a prática de exercícios – e eventualmente até alguns veteranos nessa área – esquecem de manter os cuidados necessários de alongamento e aquecimento dos músculos e das articulações das pernas. 

Com o tempo, os treinos inadequados, aliados ao aumento do peso vão sobrecarregando a estrutura, levando ao edema focal do coxim adiposo, mais conhecido como síndrome de Hoffa ou hoffite 

Causas e prevenção do edema focal do coxim adiposo

Este é um problema que geralmente está associado ao esforço repetitivo, especialmente em esportes de endurance como a prática da corrida. Assim, a gordura de Hoffa pode acometer atletas que apresentam hiperextensão do joelho (quando ele estica mais do que deveria). 

Além disso, os corredores que costumam efetuar demasiados movimentos de rotação e contração equivocada do músculo anterior da coxa também são alvos mais fáceis da síndrome de Hoffa. 

Nesse sentido, no caso dos atletas maratonistas, ultramaratonistas e ciclistas, por exemplo, para evitar o edema focal do coxim adiposo é preciso reforçar os cuidados com os corretos procedimentos anteriores e posteriores à prática de atividades físicas.  

Diagnóstico e tratamento do edema

A dor é sempre o primeiro sintoma da hoffite. Em geral, acontece após o treino, mas vai se prolongando em atividades do dia a dia como subir escadas, agachar e usar salto alto.

O diagnóstico é dado pelo exame físico e exames de imagem, como a ressonância magnética ou o ultrassom.

O sinal clínico mais comum é o chamado “sinal da corcova do camelo”, um aumento do volume da gordura de hoffa, semelhante ao perfil de um camelo.

Tendo apresentado sintomas de dor incomum, é preciso buscar orientação médica para ter certeza do diagnóstico. Assim será possível realizar o tratamento indicado pelo profissional de saúde o mais rápido possível.   

Para tratar o problema inicialmente devem ser realizadas medidas de controle da inflamação na região. Em grande parte dos casos, essas ações não envolvem intervenções cirúrgicas, apenas a ingestão de medicamentos ou injeções com agentes anti-inflamatórios na região. 

Outro tipo de tratamento adotado é a intervenção por meio de laser e ultrassom. Isto porque o calor tende a acelerar o processo de recuperação e diminuir a inflamação do coxim adiposo. Por fim, embora a cirurgia seja ministrada somente em último caso, é a medida indicada no caso de todas as alternativas anteriores não apresentarem resultado.  

Terapias como bandagens e alguns tipo de joelheiras também auxiliam no período de reabilitação.

Leia também o artigo: Tipos de Joelheiras, para que servem e como usar

Processo de recuperação do edema focal do coxim adiposo

Posteriormente, são realizadas ações para estimular a movimentação na área que pode envolver fisioterapia. Dentre as medidas para manter uma boa recuperação do paciente estão:   

  • Exercícios funcionais de estabilização da articulação do joelho;
  • Fortalecimento da musculatura do quadril;
  • Bandagem funcional para alinhamento da patela;
  • Fortalecimento do músculo anterior da coxa (quadríceps), para mantê-lo alinhado.

Na medida em que a pessoa segue todos os passos para o tratamento, consegue ótimos resultados no controle da síndrome de Hoffa.

 

Dr. Adriano Leonardi
[email protected]

Dr. Adriano Leonardi possui 20 anos de experiência em Ortopedia. É Médico Ortopedista Especialista em Joelho; Mestre em Ortopedia e Traumatologia; Médico do Esporte; Membro da Diretoria da Sociedade Paulista de Medicina Desportiva; Colunista e Consultor dos Sites 'Eu Atleta' e 'Globo Esporte'. Agende sua Consulta: (11) 94754-9183

Não há comentários

Poste um Comentário

Olá!

Gostaria de receber uma ligação?