fbpx
 

Lesão no menisco: sintomas, diagnóstico e tratamento

Lesão no menisco sintomas diagnóstico e tratamento

Lesão no menisco: sintomas, diagnóstico e tratamento

O joelho é a maior articulação do corpo e uma das mais complexas. Como você o usa tanto, ele fica vulnerável a lesões, sendo a lesão no menisco uma das mais comuns. Ela pode ser causada por um impacto direto ou indireto, por conta da deterioração progressiva ao longo dos anos ou, ainda, devido à má postura. 

Mas quais são os sintomas, de que forma é feito o diagnóstico e como funciona o tratamento para lesão meniscal? Continue a leitura para descobrir!

Quais são os sintomas da lesão no menisco?

Como existem diferentes causas, os sintomas de lesão no menisco são muito variáveis. Mesmo assim, entre os sintomas mais frequentes, um dos mais evidentes é a dor no joelho. 

Inicialmente, essa dor costuma ser bem localizada, normalmente na região interna ou externa do joelho, dependendo se o menisco lesionado é o medial ou o lateral. Contudo, com o passar dos dias, a dor e o inchaço podem aumentar e agravar durante a realização de tarefas do dia a dia, como subir e descer escadas, agachar e até mesmo caminhar.

Além disso, outros sintomas comuns incluem sensação de bloqueio ou travamento, derrame articular por excesso de produção do líquido sinovial, dificuldade de movimento após ficar sentado por muito tempo, inflamação, entre outros.

Como é realizado o diagnóstico?

Se você for ao médico porque seu joelho dói, ele pode perguntar como você o machucou e como você se sente, quais sintomas apresenta e etc. Ele também revisará seu histórico de saúde para descartar que a dor possa ser causada por algo que não seja uma lesão no menisco.

Depois disso, o seu médico examinará o joelho para determinar se você tem sensibilidade ou pressão incomum na área onde o menisco está localizado. Ou seja, o diagnóstico começa através da queixa clínica do paciente e de um exame físico detalhado.

Porém, as suspeitas clínicas ainda devem ser confirmadas por imagens da articulação do joelho. Alguns exames, então, podem ser solicitados, como um raio-X para descartar possíveis doenças degenerativas ou artríticas que causam dor no joelho. E uma ressonância magnética para examinar mais de perto o tecido mole do joelho.

Quais são os sintomas da lesão no menisco

Confira as opções de tratamento para lesão no menisco

Existem duas opções de tratamento, que variam entre:

Confira as opções de tratamento para lesão no menisco

Tratamento conservador para lesão meniscal

Na categoria denominada de lesão degenerativa dos meniscos, ligada intimamente ao envelhecimento da articulação, o tratamento não cirúrgico pode ser tudo de que você precisa. Por isso, quando existem pequenas rupturas, em espacial as classificadas como lesão, clivagem horizontal ou degeneração mixóide sem dor de origem mecânica, o tratamento pode envolver o uso de medicamentos analgésicos e fisioterapia prescritos pelo seu médico. 

Pessoalmente, como se trata de um envelhecimento articular e está ligada à degeneração da articulação, costumo fazer uso da infiltração no joelho (viscossuplementação) como forma de redução da reação inflamatória, alívio de dor e pela facilitação do ganho de massa muscular.

O objetivo principal deste tratamento é dar ao joelho flexibilidade e força, para que o paciente possa realizar uma atividade esportiva, mesmo que com alguma cautela. Portanto, vale ressaltar, ainda, que dentro das estratégias de tratamento conservador, a fisioterapia será parte essencial, uma vez que possibilita um grande potencial de recuperação.

Tratamento cirúrgico para lesão meniscal

Se os sintomas persistirem com o tratamento não cirúrgico, seu médico pode sugerir uma cirurgia artroscópica (realizada por vídeo), seguida de fisioterapia por 1 ou 2 meses para promover a recuperação total do joelho.

Esse tipo de cirurgia também é recomendada nas rupturas do menisco lateral ou quando há uma lesão grande no menisco medial. Além dos casos em que o menisco se encontra rompido em suas bordas ou que existe uma lesão que separa o menisco em duas partes, o tratamento cirúrgico pode ser recomendado.

Durante o procedimento, parte do menisco deve ser reparado (meniscoplastia) ou suturado (costurado).

Para a realização do procedimento, são feitos 3 furinhos no joelho. É através dessas incisões que entram os equipamentos necessários para costurar ou remover a parte quebrada do menisco.

Acompanhe o canal no YouTube do Dr. Adriano Leonardi e agende uma consulta!

Para saber mais sobre o diagnóstico e tratamento para lesão no menisco, confira abaixo um vídeo do Dr. Adriano Leonardi e aproveite para se inscrever no canal.

Não se esqueça, contudo, de agendar uma consulta para contar com um médico especializado em cirurgia do joelho e medicina esportiva. Entre em contato agora mesmo!

Dr. Adriano Leonardi
[email protected]

Dr. Adriano Leonardi possui 20 anos de experiência em Ortopedia. É Médico Ortopedista Especialista em Joelho; Mestre em Ortopedia e Traumatologia; Médico do Esporte; Membro da Diretoria da Sociedade Paulista de Medicina Desportiva; Colunista e Consultor dos Sites 'Eu Atleta' e 'Globo Esporte'. Agende sua Consulta: (11) 94754-9183

Não há comentários

Poste um Comentário

Olá!

Gostaria de receber uma ligação?