fbpx
 

Tendinite patelar no joelho: fatores que aumentam o risco

Tendinite patelar no joelho fatores que aumentam o risco

Tendinite patelar no joelho: fatores que aumentam o risco

O tendão é uma fita ou cordão fibroso, mas flexível, constituído por tecido conjuntivo. Ele prende os músculos aos ossos e, ao transferir a força gerada pelos músculos, ajuda a mover a articulação ou estrutura à qual está ligado. Ou seja, permite movimentos como dobrar o joelho, por exemplo. Neste contexto, a tendinite é quando ocorre a sua inflamação, irritação ou inchaço, causando dor e desconforto ao redor da articulação. Mas você sabe quais são os fatores de risco da tendinite patelar no joelho? Descubra a seguir!

Fatores de risco da tendinite no joelho: confira quais são!

Os tendões trabalham em conjunto com a musculatura através de duas funções:

  1. Gerar movimento: para isso, realiza um tipo de contração chamada de concêntrica, onde as articulações se aproximam;
  2. Absorver energia cinética através da contração excêntrica, afastando as articulações. Sabe-se que este é o tipo de contração mais importante para absorver impacto em atividades como a corrida de rua, tênis, futebol e crossfit, e quando reduzida, é aí que o tendão fica sobrecarregado.

Os principais fatores de risco da tendinite no joelho estão associados à perda da capacidade de contração excêntrica e à carga nesta articulação. Assim, essa é uma condição que acomete principalmente pessoas que praticam esportes de alto impacto, devido à sobrecarga que essa parte do corpo sofre. Movimentos típicos de esportes de contato ou atletismo, como correr, pular, girar, mudar de direção rapidamente e outros podem causar lesões no tendão patelar.

Aumentos repentinos na intensidade ou frequência com que você faz a atividade também colocam pressão sobre o tendão. Falta de aquecimento, lesões e longos períodos de atividades extenuantes ainda são considerados fatores de risco para atletas.

Vale ressaltar, ainda, que o risco de tendinite no joelho é maior em pessoas com doenças crônicas. Isso porque algumas doenças interrompem o fluxo sanguíneo para o joelho, o que enfraquece o tendão. É o caso, por exemplo, de insuficiência renal, doenças autoimunes como lúpus ou artrite reumatoide e doenças metabólicas como diabetes.

Saiba como prevenir a tendinite patelar

Para reduzir o risco de tendinite no joelho, é importante ter alguns cuidados, como por exemplo:

  • Não insista em atividades físicas vigorosas enquanto sente dor: assim que notar que está sentindo dor no joelho por causa dos exercícios, aplique gelo na área e descanse. Até que a dor no joelho desapareça, evite atividades que colocam pressão no tendão;
  • Fortaleça os músculos: músculos fortes são mais capazes de lidar com a tensão que a tendinite pode causar, principalmente o fortalecimento excêntrico, ensinando o seu músculo a desacelerar. Os exercícios que envolvem abaixar a perna muito lentamente depois que o joelho foi estendido são especialmente úteis para esse fortalecimento. Inclusive, existem hoje diversos métodos para o fortalecimento excêntrico como a plataforma isoinercial e o fortalecimento isocinético.
  • Melhore suas técnicas: para ter certeza de usar seu corpo corretamente, considere fazer aulas ou obter instruções profissionais ao iniciar um novo esporte ou usar equipamentos de ginástica;
  • Consulte um médico especializado em medicina esportiva: um médico especializado em medicina esportiva ajuda atletas profissionais, amadores e até quem pratica atividades recreativas a melhorar o desempenho e se curar de lesões.

Agende uma consulta com o Dr. Adriano Leonardi!

Você está sentindo dor e tem um ou mais dos fatores de risco da tendinite no joelho? Antes de pensar em um tratamento, primeiro você precisa obter um diagnóstico preciso para verificar se os sintomas que você apresenta são devido à tendinite e não a outro problema. Por isso, agende agora mesmo uma consulta com o Dr. Adriano Leonardi, médico do esporte e mestre em Ortopedia e Traumatologia!

Dr. Adriano Leonardi
[email protected]

Dr. Adriano Leonardi possui 20 anos de experiência em Ortopedia. É Médico Ortopedista Especialista em Joelho; Mestre em Ortopedia e Traumatologia; Médico do Esporte; Membro da Diretoria da Sociedade Paulista de Medicina Desportiva; Colunista e Consultor dos Sites 'Eu Atleta' e 'Globo Esporte'. Agende sua Consulta: (11) 94754-9183

Não há comentários

Poste um Comentário

Olá!

Gostaria de receber uma ligação?