fbpx
 

Tratamento do cisto de Baker, quais as melhores opções?

Tratamento do cisto de Baker, quais as melhores opções?

Apesar do Cisto de Baker ser quase sempre secundário a doenças dentro do joelho como a artrose e a lesão degenerativa do menisco, o tratamento r é de extrema importância para a reabilitação da pessoa. Afinal de contas, esta é uma condição médica que por surgir atrás do joelho compromete a mobilidade e traz muito incômodo e dor para a pessoa. Assim sendo, saiba mais informações sobre esse assunto a seguir e veja os métodos mais eficazes para combater este mal e as melhores formas de tratamento do cisto de Backer.

 

Tratamento do cisto de Backer, entendendo como este problema acontece

Para compreender como é o tratamento do cisto de Baker, em primeiro lugar, é preciso ter em mente o que é esse problema e o motivo pelo qual ele surge.

Basicamente, essa é uma lesão benigna formada por uma bolsa de líquido na região atrás do joelho. Isso acontece porque qualquer excesso de líquido dentro do joelho, conhecido no meio médico como derrame articular, passa por uma válvula lá dentro do joelho, acumula-se atrás e não consegue voltar, formando-se assim o Cisto de Backer.

Em muitos casos ela pode ser imperceptível quando o cisto de backer é menor.

Caso contrário, torna-se palpável e provoca sintomas como dores, inchaço e dificuldade de movimentação. Entre suas principais causas estão fatores como:

  • Lesões que ocorrem na cartilagem do joelho;
  • Doenças reumáticas;
  • Irritação de estruturas como a plica sinovial e meniscos;
  • Artrose (desgaste no joelho).
  • Se o cisto crescer demais ele pode se romper, causando muita dor e uma reação inflamatória. Assim sendo, o tratamento do cisto de baker é fundamental.

Como é o diagnóstico e tratamento do cisto de Baker

Uma vez que o cisto for detectado, é preciso procurar um médico especializado. Ele examinará o paciente e realizará alguns exames para verificar como está o seu caso, como o toque, a ultrassonografia e a ressonância magnética. A partir de então, o tratamento para a doença é realizado.

 

Leia também: O cisto de Baker em atletas

 

Como dito anteriormente, o tratamento do cisto de Baker está centrado no processo de melhoria da doença de base, ou seja, se o controle da artrose do joelho, por exemplo, não for realizado, a produção do líquido sinovial de características inflamatórias continuará e o cisto poderá retornar.

 

cisto de baker do joelho 2

Exame indicando presença do Cisto de backer

Quando o Cisto é muito volumoso, entretanto, há uma série de tratamentos a serem feitos, como por exemplo:

  • Drenagem do líquido do cisto a partir da artroscopia;
  • Injeção de corticoides no local para controlar o problema;

Em alguns casos mais graves, pode ser preciso realizar uma cirurgia para sua retirada;

Dependendo do caso, a fisioterapia também é considerada um tratamento.

Em cada tipo de tratamento para o cisto de baker, o tempo de recuperação e restabelecimento do paciente para suas atividades físicas varia. Mas de qualquer forma, é muito importante que você siga as orientações médicas para acelerar o processo de cura.

Dicas e considerações finais sobre o tratamento do cisto de backer

Além de estar atento ao tratamento  do cisto de Baker, também é muito importante que você considere os fatores de risco para evitá-lo.

Entre eles se destacam:

  • Pessoas com idade mais avançada;
  • Problemas como osteoartrose e artrite;
  • Prática de esportes de alto impacto que exigem bastante dos joelhos.

Diante destes fatores, é preciso fortalecer os músculos e articulações da região. Além de ajudar a preservá-los, isso também contribui para que você evite o cisto de Baker, ou se tiver passado por esse problema que não corra o risco de tê-lo novamente.

 

Leia também: As 10 principais causas de inchaço nos joelhos

 

Em casos mais graves de inflamação do cisto de Baker, o uso de medicamentos anti-inflamatórios também faz parte do tratamento. Por isso consulte um profissional de confiança e faça uma avaliação de quais são as melhores alternativas para o seu caso.

Para explicar melhor este tema, fiz este vídeo que pode te ajudar! 

 

Dr. Adriano Leonardi
[email protected]

Dr. Adriano Leonardi possui 20 anos de experiência em Ortopedia. É Médico Ortopedista Especialista em Joelho; Mestre em Ortopedia e Traumatologia; Médico do Esporte; Membro da Diretoria da Sociedade Paulista de Medicina Desportiva; Colunista e Consultor dos Sites 'Eu Atleta' e 'Globo Esporte'. Agende sua Consulta: (11) 94754-9183

Não há comentários

Poste um Comentário

Olá!

Gostaria de receber uma ligação?